rafiews

Ex Machina

  • Ano de Lançamento: 2015
  • País: Reino Unido
  • Língua: Inglês
  • Título Original: “Ex Machina”
  • Diretor: Alex Garland
  • Avaliação: Pega a estatueta

Dos conflitos primordiais da esfera humana planta-se a raiz do artificial. Um tema recorrente no cinema volta à tona pelos olhos do diretor estreante Alex Garland em uma espécie de distopia controlada. Um gênio milionário (Oscar Isaac), um tímido programador (Domhnall Gleeson) e Ava (Alicia Vikander), uma forma evoluída de inteligência artificial no molde de uma bela moça de vinte e poucos anos.

Para criar a mais sintética das invenções, Nathan se isola no meio da natureza quase virgem. Ava caminha pelos jardins internos do refúgio do cientista, o tronco mecânico emoldurado por folhas, galhos e raízes. O anfitrião circula do laboratório de paredes alvas e mais alta tecnologia ao pequeno sobrado construído em meio as montanhas, onde senta pra ver o cair das águas. É o natural versus artificial. Na nossa cara. O tempo todo. Só não vê quem não quer.

(mais…)

Anúncios

Locke

Estória. A base mais crua do cinema e a palavra que melhor define Locke. O segundo filme de Steven Knight é minimalista até dizer chega: um ator, um carro e uma estrada. Através de ligações telefônicas o diretor monta uma narrativa quase em tempo real, sem deixar cair a peteca.

Ao virar a chave do carro, Ivan Locke (Tom Hardy) tem a vida perfeita. Um excelente emprego, uma família em casa e o evento mais importante da carreira lhe esperando pela manhã. A estrada que o leva de Birmigham a Londres coloca a prova todas as relações na vida do engenheiro. Cada ligação recebida pelo bluetooth do carro aumenta a tensão do protagonista, ressuscitando receios passados.

(mais…)

O Despertar de Rita

  • Ano de Lançamento: 1983
  • País: Reino Unido
  • Língua: Inglês
  • Título Original: “Educating Rita”
  • Diretor:  Lewis Gilbert
  • Avaliação: Pra parar e refletir

Quando Rita (Julie Waltersentra no escritório de Frank Bryant (Michael Caine), um dos diálogos mais interessantes do cinema britânico se inicia. A cabelereira de sotaque puxado e confiança aparente instiga a figura clássica do professor-universitário-poeta-fracassado.  A relação que ali se inicia é o motor de O Despertar de Rita, filme de Lewis Gilbert baseado na peça de Willy Russell.

(mais…)

Para Sempre Alice

Jovem, no auge da carreira e consagrada pela publicação de pilares da Linguística americana, Alice Howland (Julianne Moore) descobre ser portadora do Mal de Alzheimer. A segurança, obtida através de uma vida de conquistas, é substituída pelo medo constante do esquecer.

Ainda agarrando-se ao que resta da racionalidade, Alice tenta planejar os dias com a ajuda de aparelhos eletrônicos e qualquer pedaço de rotina que possa conservar. A família, americana até dizer chega, consiste de um marido carinhoso e três filhos, completamente diferentes entre si. A chegada da doença da matriarca desenterra problemas antigos e desencadeia uma série de conflitos na casa dos Howland.

(mais…)

Os Descendentes

Image and video hosting by TinyPic

Além de ter que lidar com o coma da esposa e uma decisão imobiliária capaz de afetar todo um país, Matt King (George Clooney) precisa aprender a manejar as duas filhas rebeldes. Os Descendentes, filme de Alexander Payne, é um ensaio sobre família e as adversidades da vida, das quais nem o mais belo dos cenários ajuda a escapar.

(mais…)