Mês: agosto 2015

Ex Machina

  • Ano de Lançamento: 2015
  • País: Reino Unido
  • Língua: Inglês
  • Título Original: “Ex Machina”
  • Diretor: Alex Garland
  • Avaliação: Pega a estatueta

Dos conflitos primordiais da esfera humana planta-se a raiz do artificial. Um tema recorrente no cinema volta à tona pelos olhos do diretor estreante Alex Garland em uma espécie de distopia controlada. Um gênio milionário (Oscar Isaac), um tímido programador (Domhnall Gleeson) e Ava (Alicia Vikander), uma forma evoluída de inteligência artificial no molde de uma bela moça de vinte e poucos anos.

Para criar a mais sintética das invenções, Nathan se isola no meio da natureza quase virgem. Ava caminha pelos jardins internos do refúgio do cientista, o tronco mecânico emoldurado por folhas, galhos e raízes. O anfitrião circula do laboratório de paredes alvas e mais alta tecnologia ao pequeno sobrado construído em meio as montanhas, onde senta pra ver o cair das águas. É o natural versus artificial. Na nossa cara. O tempo todo. Só não vê quem não quer.

(mais…)

Anúncios

Locke

Estória. A base mais crua do cinema e a palavra que melhor define Locke. O segundo filme de Steven Knight é minimalista até dizer chega: um ator, um carro e uma estrada. Através de ligações telefônicas o diretor monta uma narrativa quase em tempo real, sem deixar cair a peteca.

Ao virar a chave do carro, Ivan Locke (Tom Hardy) tem a vida perfeita. Um excelente emprego, uma família em casa e o evento mais importante da carreira lhe esperando pela manhã. A estrada que o leva de Birmigham a Londres coloca a prova todas as relações na vida do engenheiro. Cada ligação recebida pelo bluetooth do carro aumenta a tensão do protagonista, ressuscitando receios passados.

(mais…)

Confia em Mim

Insegura, a sous-chef Mari (Fernanda Machadose joga dos braços do sedutor Caio (Mateus Solanoapós um ou dois elogios bem formulados. O romance segue como um conto de fadas até a moça entregar na mão do amado recém-conhecido a quantia de duzentos mil reais, na esperança de que o rapaz efetuasse a compra de um estabelecimento que se tornaria o sonhado restaurante próprio da cozinheira. Quando Caio e o dinheiro desaparecem, Mari precisa lidar com o baque do golpe e o julgamento dos amigos e familiares.

(mais…)